Vazamento de Dados – Emater-Pará

Identificamos vazamento de dados da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará, instituição pública de pesquisa que presta serviços especializados nas áreas de ciências agrárias e humanas, difundindo conhecimentos e informações tecnológicas no meio rural.

Não foi identificada motivação para o vazamento.

Os dados foram publicados em site de compartilhamento de texto/código pelo hacker 0x66f092. O vazamento contém uma lista de bases de dados de um servidor de banco de dados Mysql e a

Continuar Lendo

Vazamento de Dados – Equador

A semana tem sido movimentada com vazamentos de dados de países latino-americanos: os vazamentos de dados de entidades argetinas e cubanas, seguido do vazamento de informações pessoais de funcionários do gabinete da presidência da Venezuela e agora dois vazamentos do Equador, da Assembleia Nacional e do Instituto Espacial Ecuatoriano.

Não identificamos motivação aparente para os vazamentos.

Os dados mais de 760 credenciais de usuários do serviço de transmissão ao vivo da Assembleia Nacional equatoriana foram postados em site

Continuar Lendo

Vazamento de dados – Venezuela

Já reportamos vazamento de dados de entidades brasileiras como do Partido Comunista Brasileiro (PCdoB), do Partido dos Trabalhadores (PT), do IDP – Instituto Brasiliense de Direito Público, de entidades públicas do Piauí, e entidades estrangeiras com vazamentos de dados de entidades argetinas e cubanas.

Identificamos vazamento de dados de pessoas vinculadas ao gabinete da presidência da Venezuela.

A motivação para os vazamentos é política, o que permite a classificação dos dados como hacktivismo.

Os dados de 22

Continuar Lendo

Vazamento de Dados – Argentina e Cuba

Em algumas ocasiões publicamos vazamento de dados de entidades brasileiras como do Partido Comunista Brasileiro (PCdoB), do Partido dos Trabalhadores (PT), do IDP – Instituto Brasiliense de Direito Público, de entidades públicas do Piauí, entre outros.

Identificamos vazamentos de dados de duas entidades estrangeiras: de acesso à página da Infanteria Argentina e da Red de Salud de Cuba.

Não foi possível, contudo, identificar a motivação para os vazamentos.

Os dados da Infanteria Argentina e da

Continuar Lendo