Banco Venezuelano e Criptomoedas (mas não do jeito certo)

Muito se fala sobre a adoção de tecnologia blockchain (amplamente utilizadas por criptomoedas) por instituições financeiras tradicionais. O Banco Venezolano de Crédito parece ser um precursor nessa iniciativa, mas a semelhança acaba aqui. Na verdade, o Lab encontrou evidências de que a infraestrutura do Banco tem sido utilizada por elementos maliciosos para mineração de criptomoeda Monero. Defesa Proativa Uma defesa proativa monitora diferentes incidentes oriundas de diferentes fontes. Uma dessas frentes de defesa proativa é a observação do comportamento dos atacantes em ambiente real. Uma ótima solução para esse tipo de ação é a constituição de honeypots de média ou de alta interação. O DefCon-Lab dispõe de honeynet em funcionamento. Recentemente registramos atividade direcionada a sensor que apresentou discrepância entre o comportamento observado e a a origem do incidente. A tentativa de acesso a portas não convencionais em um servidor que não possui serviço anunciado, é por si indicador de atividade questionável. Uma ação observada de forma persistente nos últimos meses é a mineração de criptomoedas em algumas portas específicas. Em virtude disso, passamos a observar esse comportamento com maior atenção. Em um caso concreto, além de ação maliciosa, a origem da conexão foi determinante para que o sistema indicasse … Continue lendo Banco Venezuelano e Criptomoedas (mas não do jeito certo)