WeekLeaks (15) 2019

Nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente identificou oito publicações em redes sociais e nos sites de compartilhamento de texto Hastebin, Ghostbin e Pastebin veiculando dados de entidades públicas e privadas do Brasil, Equador, México e Venezuela.

As ações foram realizadas karamujo, refl3tz e kosu (PicokasGang), Iznaye / Blue Dragon, Purpl3Pand4, AFT3RNOON_000 e GNU32.

karamujo, refl3tz e kosu

Os integrantes do grupo PicokasGang, karamujo, refl3tz e kosu, aparentemente realizaram invasão de aplicação e vazamentos de dados dos Município de Caucaia/CE e Florianópolis/SC.

de dados da Corte Constitucional do Equador, no contexto da #OpEcuador/#OpAssange

Leak – Caucaia – Karamujo e Refl3tz
Leak – Floripa – Karamujo
Leak – InterPI – refl3tz
Leak – OpEcuador – karamujo

Iznaye / Blue Dragon

O grupo Iznaye / Blue Dragon realizou vazamento de dados da Universidad Técnica Particular de Loja (UTPL), no contexto da #OpEcuador / #OpAssange.

O vazamento inclui credenciais de acesso (usuário e senha), conforme ilustra a imagem abaixo:

Leak – OpEcuador – karamujo

Purpl3Pand4 e Nerzhul

Os hackers Purpl3Pand4 e Nerzhul realizaram vazamento de dados do Partido dos Trabalhadores Mexicanos (PDT).

Leak – PDT (Mexico) – PURPL3P

AFT3RNOON_000

Já o hacker AFT3RNOON_000, realizou vazamento de dados da página Portal em Redes. 

Leak – Portal em Redes – AFT3RNOON_000

GNU32

Já o hacker GNU32, realizou vazamento de dados da Fundación Sistema Bolivariano de Televisión de Aragua, empresa de comunicação Venezuelana. 

Leak – Fundación Sistema Bolivariano de Televisión de Aragua – GNU32