WeekLeaks (7) 2019

Nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente identificou oito publicações em redes sociais e nos sites de compartilhamento de texto Ghostbin e Pastebin veiculando dados de entidades públicas e privadas do Brasil e de outros países.

As ações foram realizadas por Al1ne3737KelvinSecTeam, Clust3r e Anarcaos Uruguay, os dois primeiros são atores que reiteradamente praticam ações cibernéticas ofensivas, enquanto os dois últimos são novos atores.

Al1ne3737

A hacker brasileira Al1ne3737, integrante do m1n3B0ys, continua sua série impressionante de ataques. Foi responsável pelo vazamento de dados da Faculdade de Juazeiro do Norte (FJN) e do antigo Ministério Desenvolvimento Agrário (MDA) – atual Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário.

Leak – FJN – Al1ne3737

O vazamento do MDA possui mais de 1.300 registros em que dados pessoais e de pessoas jurídicas foram divulgados. 

Leak – mda.gov.br – Al1ne3737

KelvinSecTeam

O grupo hacker KelvinSecTeam foi responsável pelos vazamentos de dados de empresas aéreas de Cuba, Eslováquia e da República Dominicana. 

Leak – Eslováquia – KelvinSecTeam
Leak – Air Cuba – KelvinSecTeam
Leak – Air Dominicana – KelvinSecTeam

Clust3r

O hacker Clust3r foi responsável pela invasão a sevidor do Município de Paulo Afonso/BA.

Leak – Paulo Afonso – Clust3r

Anarcaos Uruguay

O grupo de origem uruguaia, Anarcaos Uruguay, pela divulgação de informações da Polícia Nacional da Colômbia. Contudo, os dados não parecem ser sensíveis.

Leak – Policia Colombia – Anarcaos Uruguai

A ação parece veicular dados que já foram objeto de vazamentos anteriores em duas ocasiões.