Lista – Cryptocurrency databases – OmniKing

Nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente detectou, em 20/04/19, uma publicação repetida em diversos canais divulgando link do Ghostbin que contém lista de mais de 50 bancos de dados relacionados a criptomoedas.

A ação foi divulgada por OmniKing, veiculando seus contatos em XMPP OmniKing@exploit.im e OmniKing@jabber.ua.

Há lista inclusive de termos e condições para “uso” dos dados, modalidades de negociação e pedidos de amostra:

My Terms

Continuar Lendo

Hacktivismo – OpEcuador – Continuação (2)

A sequência de protestos pela prisão de Julian Assange, ativista australiano, desenvolvedor, jornalista e fundador do site WikiLeaks, continua repercutindo e nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente observou novos eventos da mobilização da comunidade hacktivsta global em protesto.

Foram observados novos ataques de negação de serviço, desfiguração de página e vazamentos de dados no contexto da #OpEcuador, #FreeAssange, #OpAssange, #OpUK e #OpUS

Entre os envolvidos nesses ataques destacam-se o grupos/hacker xS1lenc3, Iznaye/ Blue Dragon e

Continuar Lendo

Hacktivismo – OpEcuador – Continuação

Ainda como parte dos protestos pela prisão de Julian Assange, ativista australiano, programador de computador, jornalista e fundador do site WikiLeaks, nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente observou novos eventos da mobilização da comunidade hacktivsta global em protesto.

Foram observados novos ataques de negação de serviço, desfiguração de página e vazamentos de dados no contexto da #OpEcuador, #FreeAssange, #OpAssange, #OpUK e #OpUS

Entre os envolvidos nesses ataques destacam-se o grupos/hacker K4PP4K, Cyb3r C0nven Security e

Continuar Lendo

Hacktivismo – OpEcuador

Com a prisão de Julian Assange, ativista australiano, programador de computador, jornalista e fundador do site WikiLeaks, nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente observou a mobilização da comunidade hacktivsta global em protesto. Ataques de negação de serviço, desfiguração de página e vazamentos de dados no contexto da #OpEcuador, #FreeAssange, #OpAssange, #OpUK e #OpUS foram observados nas últimas horas. 

Entre os envolvidos nesses ataques destacam-se o grupos/hacker DeathLaw, 5UB5, Cyb3r C0nven Security e Al1ne (Pryzraky).

Continuar Lendo

Vazamento de Dados – Vários Alvos – M1n3boys

Nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente detectou uma impressionante sequência de vazamento de dados de nove entidades diferentes e divulgação de vulnerabilidades de SQLi de outras sete páginas pelo grupo brasileiro M1n3B0ys.

Reivindicado pelos integrantes SNM Anops e D3coder, os vazamentos incluem os municípios de Aquidauana/MS, a Câmara Municipal de Aurora/SC, a Secretaria da Infraestrutura – Seinfra, Itaperuna/RJ, Glória/BA, a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), o Instituto Federal do Piauí (IFPI), a Universidade Federal do Rio de

Continuar Lendo

Vazamento de Dados – CIASC – Prometheus

Nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente detectou vazamento de dados de Sistema de Consulta do Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina S.A. (CIASC), vinculado ao Governo Santa Catarina. A ação foi reivindicada por Prometheus, do Chaos Computer Club.

Entre os dados pessoais estão incluídos mais de 950 registros que contém dados pessoais como CPF, função ocupada, profissão, endereço IP, entre outros dados armazenados pelo sistema.

Além do vazamento de dados, outro integrante do Chaos

Continuar Lendo

Venezuela: um desastre (também) cibernético

Na semana passada (veja o artigo aqui) o Lab encontrou evidências de que a infraestrutura do Banco Venezolano de Crédito possuía a vulnerabilidade Heartbleed (CVE-2014-0160) e estava sendo utilizada por elementos maliciosos para mineração de criptomoeda Monero.

A existência de uma vulnerabilidade antiga como o HeartBleed é inacreditável, sobretudo numa instituição financeira, o que demonstra um nível de segurança lamentável. 

Esse achado, somado às recentes operações hacktivistas desferidas recentemente contra a Venezuela, levou o

Continuar Lendo

Banco Venezuelano e Criptomoedas (mas não do jeito certo)

Muito se fala sobre a adoção de tecnologia blockchain (amplamente utilizadas por criptomoedas) por instituições financeiras tradicionais. O Banco Venezolano de Crédito parece ser um precursor nessa iniciativa, mas a semelhança acaba aqui.

Na verdade, o Lab encontrou evidências de que a infraestrutura do Banco tem sido utilizada por elementos maliciosos para mineração de criptomoeda Monero.

Defesa Proativa

Uma defesa proativa monitora diferentes incidentes oriundas de diferentes fontes. O sistema de Monitoramento Avançado Persistente atua em várias frentes. Uma

Continuar Lendo

Invasão – Vários Alvos – m1n3B0y$

Nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente detectou, em 17/02/19, publicações em redes sociais que apresentam evidências de invasões a diversos alvos pelo grupo m1n3B0y$.

As ações teriam se valido de um exploit de Joomla para realizar nove ataques.

As dez invasões incluem alvos do governo brasileiro, colombiano, equatoriano, mexicano e indonésio:

  • diariooficial.itajuba.mg.gov.br
  • http://mycnb.uol.com.br/images/M1n3B0y5.txt
  • http://portalead.ifma.edu.br/images/M1n3B0y5.txt
  • https://www.uttarauniversity.edu.bd/images/M1n3B0y5.txt
  • http://www.uevigotsky.edu.ec/images/M1n3B0y5.txt
  • http://www.jacobina.ba.gov.br/images/M1n3B0y5.txt
  • http://hospitalsanfelix.gov.co/images/M1n3B0y5.txt
  • http://repositorio.saludtlax.gob.mx/images/M1n3B0y5.txt
  • http://hit.saludtlax.gob.mx/images/M1n3B0y5.txt
  • http://pn-bitung.go.id/images/M1n3B0y5.txt

O grupo m1n3B0y$ tem demonstrado reiteradamente capacidade ofensiva e versatilidade nas suas ações ofensivas (desfigurações, vazamentos,

Continuar Lendo

Vazamento de Dados – Pernambuco – TeamGhost

Nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente detectou, em 16/02/19, publicação nos sites de compartilhamento de texto Ghostbin, Pastebin e PrivateBin que apresenta volume impressionante dados de secretarias do Estado de Pernambuco obtidos pelo sistema Siepe.

A ação foi reivindicada pelo grupo brasileiro TeamGhost / AnonGhost Brasil. A publicação indica o seguinte manifesto político: 

Um povo que não conhece sua história está condenado a repeti-la; mas não apenas isso, também está condenado a viver sem

Continuar Lendo