MuddyWater – Ciberespionagem iraniana na ONU

Após os vazamentos do grupo APT34 / OilRig, nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente identificou novas publicações do que seriam telas de acesso ao Comando e Controle (C2) utilizadas pelo MuddyWater, outro grupo/APT vinculado ao governo iraniano.

Se os dados forem legítimos, fontes abertas validam alguns nomes de usuários e entidades onde trabalham, o grupo hacker iraniano MuddyWater tem vítimas em 10 países diferentes, incluindo funcionários da Organização das Nações Unidas (ONU), empresas de comunicação no Líbano e do governo

Continuar Lendo

Desfiguração – #OpIsrael

Nosso sistema de Monitoramento Avançado Persistente observou ataques de desfiguração de página no contexto da #OpIsrael, que é uma operação hacktivista contra alvos do estado de Israel em curso desde 2016. 

Essa campanha hacktivista pode ser identificada pelas seguintes hashtags #OpIsrael, #OpIsrahell, #FuckIsrael, #FreePalestine e #AntiZionism desde o ano de 2016.

Entre os atacantes envolvidos na campanha incluem-se grupos/hackers da Filipinas, Indonésia, Mauritânia, Marrocos, Palestina, Tunísia, Turquia e, inclusive, do Brasil.

No ano de 2016 foram 319 ocorrências associadas à campanha.

Continuar Lendo